Criação de Unidade de Conservação Ambiental

Visita Técnica ocorreu nessa quarta-feira, na Lagoa do Taí, que deverá ser transformada em Unidade de Conservação


06/11/2019 - Meio Ambiente

Previous Next

(Fabrício Berto)

Representantes do Projeto Socioambiental e Educacional (Saberes), contratado pela Secretaria de Estado do Ambiente e Sustentabilidade (Seas), para apoio na criação e gestão de Unidade de Conservação Ambiental na Lagoa do Taí,  5º Distrito do município de São João da Barra, foram recebidos na Secretaria de Meio Ambiente e Serviços Públicos pela secretária Joice Pedra, pelo subsecretário Marcos Sá e pela coordenadora Marcelle Terra, nessa quarta-feira, 06.

“A visita técnica dos biólogos do Saberes, Marlon Almeida e Manoela Pereira, foi fundamental para darmos andamento ao trabalho de caracterização biológica, física e socioambiental da Lagoa do Taí”, disse Joice, detalhando que esse apoio é essencial para formalizar o processo de criação da Unidade de Conservação Municipal.

A bióloga Manoela ressaltou que, após essa caracterização, serão avaliados todos os resultados e junto à Secretaria de Estado do Ambiente e Sustentabilidade o fechamento do estudo técnico. “Serão delimitados o tamanho da área e a categoria de Unidade de Conservação mais indicada para, posteriormente, apresentar ao município e de fato criar a Unidade de Conservação”, completou Manoela.

“Além da Lagoa do Taí, visitamos também a Lagoa de Grussaí e algumas áreas nas proximidades da Cehab e do Pontal de Atafona. Nesses locais, com o apoio técnico da Secretaria de Estado do Ambiente e Sustentabilidade, pretendemos implantar também outras Unidades de Conservação Municipal”, finalizou Joice, alertando sobre a importância de proteger as espécies da fauna e flora para a permanência de um ambiente saudável e sustentável.