Festa do Divino Espírito Santo

Comemorações ocorrem há 244 anos em São João da Barra


10/06/2019 - Cultura

Previous Next

(Fabrício Berto)

A culminância da festa do Divino Espírito Santo, em São João da Barra,  com alvorada festiva, cortejo da imperatriz Julia França de Abreu Rangel e do imperador Gabriel dos Santos Penha, missas, procissão, descida do mastro e queima de fogos movimentou a cidade no último domingo, 9.

Como acontece tradicionalmente há 244 anos, o encerramento das festividades foi marcado com clima de emoção e felicidade após a divulgação do sorteio do imperador e da imperatriz 2020. Foram contemplados  o imperador, que reside em Atafona, Luís Fernando Gonçalves Martins, e a imperatriz, Izabella Monteiro Ribeiro da Silva, que há três anos participava do sorteio.

Para Monique Abreu, mãe da imperatriz Júlia, foi uma emoção participar desta tradicional festa. “Na minha infância sempre tive o desejo de ser imperatriz e nunca fui contemplada. A felicidade foi em dobro após minha filha conseguir, ao participar do sorteio pela primeira vez, e concretizar um sonho antigo que era meu e passou de geração para geração”, declarou Monique.

Novena, oração da Coroa do Divino, bênção do Santíssimo Sacramento, passeio ciclístico do Divino, e transladada a Custódia do Divino Espírito Santo para a residência da imperatriz também fizeram parte da programação no final de semana.

 Realizada pela Comissão do Divino - Paróquia de São João Batista -, com apoio da Prefeitura e da comunidade, a 244ª festa do Divino manteve viva a tradição das comemorações pela vinda do Espírito Santo aos apóstolos de Jesus Cristo.