Projeto Rema Barra no Cais do Imperador

Aulas tiveram início nesta quinta-feira


10/01/2019 - Assistência Social

Previous Next

(Mônica Terra)

O projeto Rema Barra foi iniciado nesta quinta-feira, 10, no Cais do Imperador. Os 20 inscritos tiveram aulas práticas e teóricas simultaneamente no rio Paraíba do Sul. Ainda há tempo de interessados fazerem suas inscrições, para isso, devem comparecer à Coordenação Municipal de Juventude, na rua São Benedito, 139 – Altos-Centro, das 9h às 17 horas. É necessária a apresentação de cópias dos seguintes documentos: identidade, CPF, comprovante de residência e atestado médico.

Para praticar o esporte basta apenas ter vontade de aprender a remar. De acordo com o coordenador do projeto Rema Campos, o bombeiro Dimisson Nogueira não são exigidos condicionamento físico e nem mesmo saber nadar, pois com a prática o ganho será automático. Durante as aulas os alunos aprenderão a remar com o uso dos braços, tronco e pernas para movimentar o barco.

-É importante que saibam que a maior força na remada está na perna, e corresponde a 70% da força, e 20% no tronco (lombar e abdômen) e apenas 10% nos braços, desmistificando a teoria de que o praticante fica musculoso - disse o coordenador, acrescentando que, em dois dias, os aprendizes estarão aptos a remar sozinho. Já para a prática em nível de competição é preciso ter um ano de treinamento, além, é claro, de talento.

O remo é um esporte completo, que trabalha o corpo inteiro e é benéfico à saúde, pois trabalha os sistemas cardiorrespiratório e cardiovascular, proporcionando qualidade de vida, e ainda pode ser praticado por qualquer faixa etária.

O jovem sanjoanense Guilherme Constantino, 14 anos, disse estar participando por incentivo da mãe. “O bom do remo é o contato com a natureza. Já pratico surf, skate e gosto bastante de nadar no Paraíba. A prática do esporte faz bem à saúde”, pontuou.

A parceria da Associação de Remo de Campos com a Prefeitura acontece desde o segundo governo da prefeita Carla Machado, lembrou Dimisson. “Estamos satisfeitos por desenvolver este ano o projeto Rema Barra, destaco que não são todas as cidades que tem o privilégio de ter um rio cortando, e a população tem acesso rápido”, finalizou.

A princípio as aulas acontecerão as segundas, quartas e sextas-feiras, das 8h às 11h, no Cais do Imperador. “Vamos encerrar as inscrições quando obtivermos um número máximo de alunos, então aproveitem e venham aprender esta modalidade de esporte, que vem atraindo cada vez mais adeptos”, convidou João Filiphe Amaral, coordenador Municipal da Juventude.

Também integram o projeto a Secretaria de Assistência Social e Direitos Humanos, por meio da Coordenação Municipal da Juventude, com apoio da Coordenadoria Municipal de Defesa Civil.