Dia Mundial de Luta contra a Aids

Data foi lembrada em São João da Barra com evento na Policlínica


03/12/2018 - Saúde

Previous Next

(Gabriela Hintz)

Nesta segunda-feira, 3, um evento alusivo ao Dia Mundial de Luta contra a Aids (1º dezembro) foi promovido pela Secretaria Municipal de Saúde de São João da Barra, na Policlínica Municipal, por meio da Coordenação do programa DST/Aids.

A ação deu início às atividades do “Dezembro Vermelho”, e visou chamar a atenção para as medidas de prevenção, assistência, proteção e promoção dos direitos humanos das pessoas que vivem com HIV.

A enfermeira Hélia Vargas Simões de Carvalho ministrou palestras nos períodos da manhã e da tarde. A campanha aconteceu durante todo o dia, com distribuição de panfletos explicativos, preservativos e oferta de Teste Rápido de HIV à tarde com os profissionais da ESF (Enfermeiro Paulo e Enfermeira Fernanda), por meio de punção digital com resultados no local, em média de 30 minutos.

De acordo com Hélia, o evento teve o objetivo de estabelecer o entrelaçamento de comunicação, promover informações, incentivar a população a realizar, de forma consciente, voluntária e espontânea o teste rápido de HIV. 

“O medo e estigma podem contribuir para que uma parcela importante da população não faça o teste e, por isso, a realização de campanhas é importante para dar visibilidade aos benefícios do diagnóstico precoce”, salientou.

Para Lucas Ferreira, 22 anos, que assistiu à  palestra, a campanha é válida para informar a população sobre os riscos da doença. “As pessoas precisam saber as formas de transmissão, como é feito o tratamento e que podem fazer o teste rápido. Eesse tipo evento é importante para isso”, destacou.

A enferneira chamou atenção também para a importância do diagnóstico precoce, e início do tratamento oportuno e adequado. “Com adesão garantida, são os melhores caminhos de se evitar as formas graves da doença. Estimular a realização do teste e garantir a oportunidade de fazê-lo são prioridades da Secretaria Municipal de Saúde de são João da Barra”, informou.